Robert Pattinson conta à Risky Biz sobre ‘Lua Nova’

22 de maio de 2009

img036_jpg_h480

Robert Pattinson, que foi lançado ao estrelato global em “Crepúsculo” e acabou de se comprometer com a adaptação para o cinema do terceiro livro da serie campeã de vendas de Stephenie Meyer, é mais que apenas um rosto bonito. O ator, que não freqüentou uma escola de atuação, fala para o Hollywood Reporter em Cannes sobre quanto tempo pode demorar para se apaixonar, porque ele não se importa com quem o dirija contanto que o roteiro seja bom, e sobre perder seu carro.

THR: Você já esteve em Cannes antes?
Pattinson: Eu vim aqui de férias uma vez quando eu tinha 12 anos e nunca mais desde então. Eu não ia gostar muito daqui como lugar de férias agora.

THR:Vamos falar de “Crepúsculo”. Existem 4 livros. Existe algum plano para você fazer todos eles?
Pattinson: Eu acabei de me comprometer com o quarto, “Amanhecer”. Mas eu não sei bem quando a Summit vai começar a gravar por causa da minha agenda.

THR: Quis são as diferenças entre roteiro de “Lua Nova” e segundo livro?
Pattinson: Meio que está relativamente parecido com o livro. Eu descreveria meu papel como sendo quase coadjuvante (para a história de Bella). Eu acho que seria um pouco brega se eu tivesse ficado apenas com o papel de uma voz, sendo meu personagem uma voz na cabeça dela no segundo livro. Eles filmaram parte dessas alucinações para o filme. Você está interpretando uma criação da imaginação de Bella e eu estava tentando fazer verdadeiramente como uma imagem em 2D. Eu espero que não pareça superficial e chato (risos).

THR:Qual é a agenda para “Lua Nova”?
Pattinson: Nós temos quatro dias faltando de gravações para o filme. Eu vou para a Itália para os últimos dias de filmagem.

THR: E depois?
Pattinson: Depois eu vou diretamente para a filmagem de “Remember Me” (drama sobre relacionamento), depois tenho só três dias de folga antes de voltar para finalizar o terceiro filme da serie “Crepúsculo, “Eclipse.” Depois disso eu vou fazer um filme chamado “Unbound Captives”. Eu não posso falar muito sobre isso, mas eu sei que o roteiro pede que eu aprenda Comanche! Talvez será como “Dança com Lobos!”. Meu papel é todo em Comanche, ha ha.

THR: Você vem filmando seqüências do segundo e do terceiro filme da franquia Crepússculo ao mesmo tempo. Isso é mais difícil para um ator do que fazer filmes separados?

Pattinson: Realmente não. Nós vamos apenas filmar as partes de Vancouver (para “Eclipse”) e depois “Lua” será lançado no fim deste ano.

THR: Do que se trata “Remember Me”?
Pattinson: Eu li o roteiro no verão passado e depois me encontrei com (o diretor) Allen Coulter e realmente gostei dele. É uma história bem simples, mas havia algo sobre o personagem e o jeito que era bem similar ao meu jeito de falar. Havia um naturalismo na escrita e eu realmente senti uma conexão com ele.

THR: O roteiro fala sobre o que?
Pattinson: Eu li em algum lugar que estava sendo descrito como uma “História de Amor” dos tempos modernos. Não é nada parecido com uma “História de Amor”. (Remember Me) É muito difícil de descrever. É sobre um cara de 23 anos quee conhece alguém por 6 semanas. Você não simplesmente se apaixona e diz, eu estou apaixonado, depois de seis semanas. É uma história sobre relacionamento. É muito natural e o personagem é incrivelmente real e muito bem escrito. É um dos únicos roteiros que eu li onde você termina de ler e percebe que não queria ter acabado. Eu não tenho nenhuma dúvida em dizer que (a escritora) Jenny (Lumet) é um gênio.

THR: Como assim?
Pattinson: Eu fui à casa dela um fim de semana e nós todos ficamos lá apenas conversando sobre o roteiro e ela me perguntou o que eu queria dele. Ela trabalhou no rascunho e uma semana depois ela me entregou o roteiro. Ela capturou pequenas características da minha voz e todos os trejeitos e manias que eu tenho. O personagem no roteiro é muito parecido comigo.

THR: Interpretar você mesmo?
Pattinson: Você só pode interpretar você mesmo em um papel a cada 15 anos eu acho (risos). E você só pode fazer isso se é um roteiro bom que captura você propriamente. É muito terapêutico na verdade.

THR: Quando e onde?
Pattinson: Se passa em Nova York e será filmado lá por oito semanas.

THR: Você parece que gostou de ajudar a escrever “Remember Me”. Um escritor frustrado?
Pattinson: Não, é ótimo quando alguém está escrevendo para você.

THR: Como você vê sua carreira até agora?
Pattinson: Eu não freqüentei escola de atuação, eu caí em cima disso. Eu não tenho um gosto muito convencional na verdade, e eu só quero fazer filmes que eu sinto que serão benéficos para minha vida. O que moldamos com “Remember Me” é um trabalho muito empolgante e alusivo. Eu realmente não entendo atuar como atuar. Eu definitivamente não sou uma daquelas pessoas que podem simplesmente parecerem assustadas quando um diretor pede a elas que pareçam.

THR: Como você seleciona projetos?
Pattinson: Se é um roteiro bom eu não me importo com o diretor que está envolvido. Eu gosto dos roteiros mais comuns e eu sou muito amigo da minha agente. Ela me entende bem e conhece meu gosto. Ocasionalmente ela diz, “Eu tenho esse roteiro muito ruim, mas talvez você devesse ler mesmo assim,” e eu olho para uma pagina e concordo com ela. Eu quase não gosto dos roteiros, na verdade. Depois de fazer “Crepúsculo”, eu realmente queria trabalhar, mas não tinha nenhum roteiro que eu gostasse. Eu acabei sem fazer nada durante o ano todo. Foi frustrante.

THR: O enorme sucesso global de “Crepúsculo” te afetou como ator?
Pattinson: Eu prefiro fazer nada a fazer algo estúpido. Eu sinto que há muita pressão por causa dessa idéia de carreira. É um pouco preocupante. Ganhou tanto dinheiro que agora você é julgado não se o filme é bom, mas por quanto dinheiro o filme vai ganhar. Isso é que é assustador agora.

THR: Presumidamente há esperanças de que as pessoas que gostaram de você em “Crepúsculo” irão ver “Remember Me”?
Pattinson: Vai ser ajudado por isso. Eu só espero que as pessoas que vão ver não digam “Edward não faria isso.” Isso não vai ser bom!

THR: Você ainda tem sua casa em Londres?
Pattinson: Eu desisti do meu apartamento um ano atrás. Eu não estou realmente vivendo em lugar algum no momento porque basicamente eu estou trabalhando constantemente e na estrada.

THR: Nada para se firmar?
Pattinson: Eu nem me lembro onde eu deixei meu carro (em Los Angeles). Deve ter sido provavelmente guinchado uma hora dessas. Essa é meu único bem imóvel e agora eu nem sei onde está! (risos). Era importante para mim porque foi o primeiro carro que comprei. Me fez me sentir como homem, comprar um carro.
Fonte: Twilight Team

Anúncios

Uma resposta to “Robert Pattinson conta à Risky Biz sobre ‘Lua Nova’”

  1. naa Says:

    bom..eu gosto muito do Robert Pattinson nao como aqelas fãs alucinadas bom nao sei(risos)axo ele encrivel um otimo ator e axo que sera um otimo filme remenber me,por mais que em crepusculo ele tenha cido um bom rapaz nada o impede dele fazer um cara atorduado,é isso que legal em ser ator ser quem quiser e como quiser!adoro filmes assim e gosto de acompanhar a careira dos atores que adimiro! quando ver o filme nao vo pensar nele como edward mais sim vou imaginar oq eu faria!mesmo que ele nao tenha tido aulas de artes cenicas ele é um otimo ator nao é so um rostinho bonito amais!(mais que rostinho)(risos)espero que esse filme seja mto legal!eu vo assistir ja estou curiosa!*-*


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: